Prefeitos vão debater plano de mobilidade urbana e outros temas urgentes no Smart City Expo Curitiba 2019

Liderado pelo prefeito de Curitiba, Rafael Greca, “Diálogo de Prefeitos” contará com a participação de Guarulhos, Maringá e São José dos Campos

0N4A4617.JPG

Formado em Economia e Engenharia, com especialização em Urbanismo e membro concursado do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), o prefeito de Curitiba Rafael Greca será um dos destaques no Smart City Expo Curitiba 2019. Ele vai liderar o debate “Diálogos com Prefeitos”, que será realizado no dia 22, às 11h15, ao lado de Gustavo Henri Costa, prefeito de Guarulhos (SP), Silvio Barros, ex-prefeito de Maringá, e Felício Ramuth, prefeito de São José dos Campos (SP).

O Smart City Expo Curitiba 2019, segunda edição brasileira do maior evento de cidades inteligentes do mundo, acontece nos dias nos dias 21 e 22 de março, no Expo Barigui. O evento compreende o congresso e a exposição, e tem a expectativa de receber mais de 6 mil pessoas, representantes de cidades de todo o país e de 25 cidades do exterior.

A proposta é discutir soluções e oportunidades para as cidades e seus desafios para transformá-las em smart cities. Entre os temas, devem se destacar mobilidade e  planejamento urbano.

Essas soluções farão parte da rotina nas cidades e os gestores atuais têm o desafio de integrar os conceitos e tecnologias de Cidades Inteligentes para orientar o desenvolvimento dos municípios. Com sua ampla experiência, que inclui o Prêmio Mundial do Habitat 1996 da Organização das Nações Unidas, Greca irá contribuir decisivamente para propor soluções inteligentes para os municípios brasileiros, traçando um panorama atual e soluções para o futuro a médio e longo prazo.

O foco do debate também é abordar os Planos Diretores dos municípios e o Plano de Gestão de Mobilidade Urbana, que deve ser elaborado por cidades com mais de 20 mil moradores até maio deste ano. Esses planos devem apresentar políticas públicas para os próximos 10 anos e levar em conta os avanços tecnológicos deste período.

Roberto Marcelino, diretor do iCities, empresa responsável pelo Smart City Expo Curitiba, ressalta que o processo de entendimento e aplicação das soluções inteligentes é gradual e também impacta na própria administração da cidade. “Um aspecto importante é a boa gestão, um caminho sem volta na administração pública: governança, compliance e ética nos contratos são quesitos que, além de serem exigidos pelos cidadãos, podem ser colocados em prática com mais facilidade por meio da tecnologia e da inovação”, destaca.

 

Marcelino lembra que o prefeito Rafael Greca participou da comitiva brasileira ao Smart City Expo World Congress 2018, em novembro, em Barcelona. “Pudemos observar as melhores práticas mundiais nas diversas áreas de cidades inteligentes para que sirvam de modelos de inovação para Curitiba.”

 

Sobre o Smart City Expo Curitiba 2019

 

Essa será a segunda edição do evento chancelado pela FIRA Barcelona, consórcio público formado pela Prefeitura de Barcelona, Governo da Catalunha e Câmara de Comércio de Barcelona, e que é o organizador do Smart City Expo World Congress, maior evento do mundo sobre cidades inteligentes, realizado anualmente em Barcelona. O iCities, empresa curitibana especializada em soluções para smart cities, é a responsável pela organização do evento no Brasil, em parceria com a Prefeitura Municipal de Curitiba e Vale do Pinhão.

 

O Smart City Expo Curitiba 2019 terá quatro temáticas principais: viabilizando tecnologias para cidades inteligentes; governança em cidades digitais; cidades criativas, sustentáveis e humanas; e planejando cidades inovadoras e inclusivas. 

 

A área de exposição terá 35 empresas dos setores público e privado, exibindo soluções e inovações em áreas como iluminação pública, segurança, educação, saúde, saneamento básico, trânsito e urbanismo, entre outras. As 74 startups de Curitiba e região poderão exibir suas soluções e produtos e apresentar pitchs (palestras rápidas de, no máximo, 15 minutos) na Smart Plaza Vale do Pinhão, espaço da Prefeitura de Curitiba destinado a promover o ecossistema de desenvolvimento da cidade. O acesso à área de exposição será gratuito mediante inscrição prévia pelo site.

 

A área de congresso está preparada para receber mais de 1,6 mil pessoas. Serão três salas de conferências no Expo Barigüi, que receberão especialistas nacionais e internacionais das áreas pública e privada, assim como do terceiro setor, além de mais mostras paralelas. Eles trarão cases e provocarão debates sobre temas relacionados às smart cities, como planejamento urbano, mobilidade, governança, novas tecnologias e sustentabilidade.

 

O preço dos ingressos até o dia 20 de março é de R$1.350, enquanto nos dois dias de evento será de R$1.500. Estudantes pagam meia entrada mediante comprovação. A compra pode ser efetuada por meio do site oficial do evento,  após a realização da inscrição.

 

Sobre o iCities

 

O iCities foi fundado em 2011 com a visão de um cenário em que as cidades tenham um papel muito mais proativo no desenvolvimento da sociedade. Dentre os projetos de maior relevância da empresa estão a vinda e organização do maior congresso do tema de smart cities de Barcelona para Curitiba - o Smart City Expo Curitiba -, o projeto de responsabilidade social iCities Kids, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, o Observatório Brasileiro de Cidades Inteligentes em São Francisco, na Califórnia (EUA), e as consultorias para municípios Smart Cities Brasil.

 

Guto Kraft